abril 13, 2021

China cumpre meta de erradicar pobreza extrema em 2020 com geração de emprego e renda

832 distritos com mais de 80 milhões de pessoas saíram da pobreza desde 2013 – CGTN

Imagem de perfil do Colunistaesd

Notícias da China

O interesse sobre a China está crescendo em toda parte. No entanto, fora da China, a maioria das notícias e análises disponíveis ainda é produzida pela grande mídia do Norte global. O Coletivo Dong Feng – formado por pesquisadores de vários países – produz um resumo semanal de notícias sobre a China (de fontes locais em chinês e em inglês), a fim de possibilitar o acesso às perspectivas chinesas. Como referência, também incluiremos uma pequena seleção de artigos da mídia ocidental.


Política nacional

China cumpre meta de erradicar pobreza absoluta em 2020 após retirar 80 milhões de pessoas da pobreza em 832 distritos desde 2013

Objetivo foi atingido por meio de medidas como geração de empregos, acesso à educação, saúde, previdência social e moradia, e transferência de renda; linha de pobreza absoluta chinesa em PPC é de R$ 12,30/dia (Banco Mundial R$ 10,15/dia)

CGTN, 23.11.2020

Sucesso da China na redução da pobreza vem de método focalizado e participação ativa dos quadros do partido, segundo representante da ONU

Com pesquisas abrangentes, governo estuda necessidades específicas de cada localidade e, desde 2017, enviou 775 mil servidores públicos para implementar e monitorar planos de ação nos povoados mais pobres

China Daily, 23.11.2020

Desde 2018, China destinou R$ 268,2  bilhões em assistência de saúde para alívio da pobreza de 10 milhões de famílias camponesas

Seguro saúde estatal cobre 99,9% da população empobrecida (98,9 milhões) e reembolsa até 80% dos gastos médico-hospitalares; aumento de subsídios e queda nos preços de remédios e aparelhos ajudaram a diminuir despesas com saúde

China Daily, 21.11.2020


Ciência e tecnologia

China lança sonda Chang’e-5 para coletar amostras lunares e aprofundar conhecimento sobre origens e composição da Lua

Missão estabelece bases para construção de estação espacial (2022-23) e futura estação na Lua (2030), além de explorar uso da matéria lunar para produção de energia por fusão nuclear; URSS foi a última a coletar amostras da Lua em 1976

Global Times, 24.11.2020

National Geographic, 23.11.2020

Sistema chinês de geolocalização Beidou é mais eficiente do que GPS em 165 das 195 capitais do mundo

Um exemplo é Addis Abeba, Etiópia, onde 30 satélites Beidou (contra 15 GPS) e conexões com milhares de celulares chineses baratos garantem maior precisão; China também avança no monitoramento dos oceanos, ameaçando hegemonia estadunidense adquirida desde o surgimento da internet

Nikkei Asia, 25.11.2020

China lidera em fluxos de dados internacionais na internet com 23% do total, possuindo vantagem no desenvolvimento de IA e TI

Tentativa dos EUA (12% do total global) de isolar a China nas redes (“Rede Limpa”) prejudica cooperação internacional em temas como escrita de códigos de programação, controle de pandemias e meio ambiente

Nikkei Asia, 24.11.2020


Geopolítica

Em Cúpula do G20, Presidente Xi propõe criação de aplicativo de saúde global em celulares para garantir viagens internacionais apesar da pandemia

Pessoas que testaram negativo para covid-19 receberiam “sinal verde”, em mecanismo similar ao usado na China desde fevereiro; Xi reafirmou compromisso chinês com distribuição de vacinas e suspensão de mais de R$ 10,7 bilhões  em serviços da dívida de países pobres

Nikkei Asia, 22.11.2020

South China Morning Post, 22.11.2020

China aumenta presença na Ásia Central para promover segurança regional, enquanto estreita relações com Rússia e Paquistão e diminui influência regional dos EUA

Organização de Cooperação de Xangai (SCO, sigla em inglês) foi criada em 2001 como aliança contraterrorista entre China, Rússia, Tajiquistão, Cazaquistão e Quirguistão (Índia e Paquistão em 2017) e se expande para cooperação econômica

NewsClick, 23.11.2020

China aumenta apoio a missões de paz de baixo risco na África Ocidental, enquanto EUA retiram apoio da região

Chineses são segundo maiores contribuidores do orçamento de missões de paz da ONU (US $32 bilhões ou 15%; EUA financia 28%) e anunciam R$ 244,2 milhões para os países do G5 do Sahel; China tem 8 mil tropas disponíveis e EUA tem 6 mil

South China Morning Post, 22.11.2020


Economia

Entre janeiro-outubro, investimento chinês direto no exterior (R$ 461,7 bilhões) diminui 3,2% interanual, mas cresce 23,1% nos países da Nova Rota da Seda (R$ 75,3 bilhões)

Valor de novos contratos totaliza R$ 942,1 bilhões (-4.4%), sendo R$ 216,3 bilhões na construção civil (+36,8%) e R$ 209,7 bilhões na geração de eletricidade

China Daily, 20.11.2020

CGTN, 20.11.2020

Legisladores fortalecem regulamentações da indústria fiduciária (R$ 16 trilhões) para conter os crescentes riscos no setor bancário paralelo em meio a escândalos e inadimplências

Além de crescimento econômico, governo mobilizou a sociedade para eliminar a pobreza absoluta até 2020, mas índice Gini cresceu de 0.28 (anos 80) para 0.41 (2015)

Caixin Global, 25.11.2020


Agricultura e Meio Ambiente

China foi país que mais registrou patentes na agricultura entre 2015-19 (612 mil), mas somente 3% são internacionais


País se destaca em controle e prevenção de pestes, nutrição de animais e plantas e fertilizantes, mas segundo especialistas, China deveria desenvolver patentes internacionais para proteger propriedade intelectual e focar em pesquisa genética e TI na agricultura

China Daily, 21.11.2020


Cultura e vida do povo

Guan Yu, o general que se tornou um deus popular da guerra e riqueza, é celebrado 1860 anos depois de seu nascimento


30 mil templos em 3o países são dedicados ao guerreiro da Era dos Três Reinos (220-280 d.C.); caracterizado como leal e justo, Guan Yu foi deificado pelos três principais sistemas de crenças da China (confucionismo, budismo e taoísmo) 
 
China Pictorial, 23.11.2020

Sixth Tone, 12.08.2020

Geração pós 1990 resgata experiência de vestimentas milenares Hanfu, incentivada pelo governo a aprender sobre cultura tradicional


Desde que o eletricista Wang Letian vestiu Hanfu pela primeira vez em público em 2002, as vestimentas pré-dinastia Qing da maioria étnica han se tornaram uma indústria de R$ 833,7 milhões (2018) com mais de 2 milhões de entusiastas

New Hanfu, 22.11.2020

Vogue Business, 06.02.2020


Trabalhadoras do metrô com vestimentas hanfu em Xi’an, Shaanxi, 2020 / Zhang Yuan/China News

Inscreva-se: O resumo será publicado todo sábado em portuguêsespanholinglêsfrancês e italiano

Para mais informações: editor@dongfengcollective.org

Edição: Vivian Fernandes