Bolsonaro encerrou expediente antes das 18h em 85% das sextas-feiras de 2021

Bolsonaro encerrou expediente antes das 18h em 85% das sextas-feiras de 2021

agosto 28, 2021 0 Por admin

“Preciso de férias”, disse presidente a apoiadores nesta semana no Palácio do Planalto – Reprodução/YouTube

Levantamento considera horário do término da última reunião feita pelo presidente desde o início do ano

Paulo Motoryn – Brasil de Fato | Brasília (DF)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) encerrou o expediente antes das 18h em 29 das 34 sextas-feiras de 2021. O levantamento do Brasil de Fato considerou o horário de encerramento última reunião feita pelo mandatário.

A proporção dos “sextou” presidenciais antes do horário comercial corresponde a 85% das sextas-feiras de 2021. Desde o início do ano, a última reunião de Bolsonaro acabou às 16h ou antes em 16 oportunidades. Em seis datas, ele encerrou as atividades antes mesmo do meio-dia.

A metodologia da sistematização não considerou dois cultos e dois jantares com a presença do presidente que foram adicionados pelo gabinete pessoal de Bolsonaro à agenda oficial, e que foram finalizados após às 18h de sexta-feira, além de deslocamentos aéreos e terrestres.

Nos últimos meses, Bolsonaro tem utilizado os últimos dias da semana para viajar a outros estados. Em algumas ocasiões, se desloca no início da sexta-feira. Em outras, apenas no final do dia.

Das três oportunidades que o presidente sequer trabalhou às sextas-feiras em 2021, duas foram feriados (Finados e Corpus Christi). Em 20 de agosto, um dia útil, Bolsonaro não registrou nenhum compromisso oficial. O dia 1 de janeiro, feriado de Ano Novo, não foi considerado.

Brasil de Fato procurou o Palácio do Planalto para verificar se o presidente deseja comentar o levantamento feito pela reportagem. Se houver resposta oficial do governo, a nota será adicionada imediatamente ao texto.

“Preciso de Férias”

Na manhã dessa quarta-feira (25), em conversa com apoiadores no cercadinho do Palácio da Alvorada, o presidente afirmou que “quer tirar férias”. O comentário foi feito após um simpatizante dizer a frase “Bolsonaro para sempre”.

Uma reportagem da Carta Capital publicada em julho mostrou que o presidente trabalhou, em média, menos de três horas por dia em junho. Durante oito dias, Bolsonaro não teve nenhum compromisso na agenda oficial, apontou a revista.

Uma página do Twitter chamada “Agenda do Jair” monitora os compromissos do presidente publicados em sua agenda oficial. Em função da irrelevância de determinados compromissos cumpridos pelo presidente, os administradores o identificam como “vereador federal”.

O robô denominado “O Presidente trabalhou hoje?”, com nome de usuário @bot_agenda_pr, também no Twitter, diariamente calcula as horas trabalhadas por Bolsonaro e divulga na rede social.

Edição: Leandro Melito