‘Ferida que ainda sangra’: reportagem lança olhar sobre a escravidão no Brasil

‘Ferida que ainda sangra’: reportagem lança olhar sobre a escravidão no Brasil

novembro 22, 2021 0 Por admin

Pesquisadores apontam que, entre os séculos 16 e 19, cerca de 5 milhões de homens, mulheres e crianças foram sequestrados na África e levados para o cativeiro no Brasil. A diáspora negra é considerada um dos maiores flagelos da humanidade. Na reportagem especial Ferida que ainda sangra: a escravidão africana no Brasil, dos jornalistas Celso Cavalcanti e Rodrigo Resende, especialistas no tema refletem sobre a organização política e social da África antes da chegada dos colonizadores, a dinâmica do tráfico, a travessia atlântica a bordo dos navios negreiros, o trabalho árduo no Novo Mundo e a luta pela liberdade.

Produzida em homenagem ao Dia da Consciência Negra (20 de novembro), Ferida que ainda sangra tem cinco episódios e está disponível em senado.leg.br/radio para as emissoras parceiras. Vai ao ar na Rádio Senado entre os dias 22 a 26, dentro do programa Conexão Senado (8h a 9h).

Clique aqui para ouvir os cinco episódios na página da Rádio Senado.

Fonte: Agência Senado