Apenas Lula venceria Bolsonaro em um segundo turno nas eleições de 2022, diz pesquisa

Apenas Lula venceria Bolsonaro em um segundo turno nas eleições de 2022, diz pesquisa

maio 11, 2021 0 Por admin

Maioria do eleitorado votaria em Lula em um segundo turno com Bolsonaro – Ricardo Stuckert

Pesquisa Atlas divulgada nesta segunda-feira (10) apontou que apenas o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em um possível segundo turno nas eleições de 2022. Outros dois possíveis concorrentes do ex-capitão aparecem numericamente à frente nas simulações do levantamento, mas dentro da margem de erro, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

No primeiro turno, o atual presidente lidera numericamente a corrida em qualquer situação. Porém, com Lula ele aparece em empate técnico. Em março, Bolsonaro aparecia com 32,7% das intenções no primeiro turno e hoje ele subiu para 37%. Após reconquistar seus direitos políticos, Lula também aumentou sua popularidade, e foi de 27,4% para 33,2%.

:: Ataques de Bolsonaro à China atrasam ainda mais a vacinação no Brasil, critica médico ::


Cenário de primeiro turno simulado em pesquisa Atlas divulgada nesta segunda-feira (10) / Reprodução

Com o petista e o ex-militar liderando a pesquisa, a distância para o terceiro lugar aumentou. Em março, o ex-juiz Sergio Moro (sem partido) tinha 9,7%. Na nova pesquisa, o terceiro lugar passaria para o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 5,7%. Atualmente, Moro teria 4,9%.

Porém, em um possível segundo turno, a situação mudaria. A pesquisa mostra que o ex-presidente aparece com 45,7% das intenções de voto e Bolsonaro, com 41%. É o único possível candidato que superaria Bolsonaro com uma vantagem acima da margem de erro.


Lula venceria Bolsonaro em um segundo turno, de acordo com pesquisa / Reprodução

Quando o quesito é a rejeição, Lula e Bolsonaro aparecem numericamente empatados no levantamento. Quando questionados sobre se tinham uma imagem positiva ou negativa deles, 57% desaprovaram o atual presidente, enquanto 56% tinham uma imagem negativa de Lula.


Bolsonaro e Lula têm um nível de rejeição parecido, mostra pesquisa / Reprodução

A pesquisa ouviu 3.828 pessoas entre os dias 6 e 9 de maio por meio de questionários aleatórios via internet. As respostas foram calibradas por um algoritmo de acordo com as características da população do Brasil.

Edição: Vinícius Segalla