Lula é líder isolado com 42% e Bolsonaro tem 27%, diz nova pesquisa Exame/Ideia

Lula é líder isolado com 42% e Bolsonaro tem 27%, diz nova pesquisa Exame/Ideia

fevereiro 24, 2022 0 Por admin

Em nova rodada da pesquisa Exame/Ideia, Lula lidera a corrida ao Palácio do Planalto, com 42% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro (27%), Moro (10%) e Ciro (8%) – Ricardo Stuckert

Levantamento contraria dados do PoderData e CNT/MDA, que apontavam queda na distância entre ex-presidente e o atual

Paulo Motoryn – Brasil de Fato | Brasília (DF)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera a corrida ao Palácio do Planalto, com 42% das intenções de voto, segundo a mais recente pesquisa Exame/Ideia, divulgada nesta quinta-feira (24).

O presidente Jair Bolsonaro (PL) está na segundo colocação, com 27%. Atrás deles, estão o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), com 10%, e o ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), com 8%.

Em relação à última pesquisa, publicada há um mês, Bolsonaro cresceu no limite da margem de erro – na época estava com 24% das intenções de voto no primeiro turno. Lula, por sua vez, subiu 1 ponto percentual.

O levantamento não mostra uma redução na distância entre Lula e Bolsonaro acima da margem de erro (3 pontos percentuais). O resultado contraria pesquisas recentes divulgadas por PoderData e CNT/MDA.

No segundo turno, Lula lidera todos os cenários. Contra Bolsonaro, o petista tem 49% das intenções de voto, e o atual presidente tem 35%. 

:: Distância entre Lula e Bolsonaro caiu? Entenda o que diz a pesquisa PoderData ::

Leia os gráficos publicados pela Exame/Ideia:


Intenções de voto no 1º turno da eleições presidenciais de 2022 – Cenário 1 / Reprodução/Arte: Exame


Intenções de voto no 1º turno da eleições presidenciais de 2022 – Cenário 2 / Reprodução/Arte: Exame

Desaprovação de Bolsonaro

A desaprovação da gestão de Bolsonaro chegou a 50%, uma das mais altas da série histórica, desde que assumiu o cargo em janeiro de 2019, mas inferior em relação à última pesquisa, quando 55% dos brasileiros não aprovavam a maneira como Bolsonaro governa.

Metodologia da pesquisa

A sondagem ouviu 1.500 pessoas entre os dias 18 e 22 de fevereiro. As entrevistas foram feitas por telefone, com ligações tanto para fixos residenciais quanto para celulares. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-05955/2022.

Edição: Rodrigo Durão Coelho